domingo, 31 de outubro de 2010

Justiça registra 1.195 urnas trocadas e 77 prisões até o momento

O  TSE (Tribunal Superior Eleitoral) registrou até o início da tarde deste domingo, a troca de 1.195 urnas eletrônicas, o equivalente a 0,29% do total de máquinas, e 77 prisões por irregularidades eleitorais –o Pará lidera a lista, com 19 presos.
O número de urnas trocadas é ligeiramente superior ao registrado no mesmo horário, no primeiro turno, em 3 de outubro. Na ocasião, 1.141 urnas foram substituídas. Os dados foram divulgados pelos ministros Arnaldo Versiani e Henrique Neves.
Segundo o tribunal, até agora houve 149 ocorrências de crimes eleitorais, entre as quais 77 acabaram em prisão. Após o Pará, lideram a lista de prisões os estados da Bahia (11) e Goiás (19).
O número é menor do que o contabilizado no mesmo horário no primeiro turno, em 3 de outubro. Na ocasião, 368 pessoas foram detidas. Versiani atribuiu a queda no número de prisões à disputa de menos cargos que do no primeiro turno.
Segundo o TSE, os motivos para as prisões são boca de urna e divulgação de propaganda, práticas proibidas pela lei.

O Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails