quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Clima de eleições 2012 em Iguatu é péssimo para todos


Por Alex Santana

É lamentável o que se observa após as eleições, este é sem dúvidas o momento para os vitoriosos agradecerem a todos que os apoiaram nesta jornada, mas também é o momento de refletir e começar a determinar quais ações que serão feitas para cumprir cada promessa realizada à população.
Em Iguatu a situação é um pouco diferente, a oposição conseguiu eleger a sua candidata Miriam Sobreira para o cargo de Deputada Estadual, e no momento em que conquista a possibilidade de oferecer benefícios para a população na Casa do Povo Cearense, observamos uma verdadeira demonstração do que o poder é capaz. Sem agradecimentos, sem discursos de projetos, sem apresentação de planejamentos de como irão cumprir com suas promessas feitas durante o pleito para a população. O marido da deputada eleita coloca em jornais os seguintes dizeres.

“Ex-deputado Marcelo Sobreira (secretário-adjunto) da Saúde Estadual, admite que sua esposa, dra. Miriam Sobreira, eleita deputada estadual (PSB) poderá realmente disputar “pra ganhar”, em 2012, a Prefeitura de Iguatu. Terá apoio do governador Cid Gomes.”
Antônio Viana – colunista do Jornal O Estado 

Bem amigos todos possuem o direito de fazer o que quiser, mas tais  pensamentos já em 2012 passam uma imagem para o povo de uma busca frenética pelo poder. Tudo tem o seu tempo, mas pelo jeito na mente do Secretário Adjunto de Saúde do Ceará, este é o momento de continuar com o clima eleitoral. Que sinceramente não faz bem a ninguém. Este é o momento para dizer ao povo o que pode e se deve esperar de uma Deputada na Assembléia Legislativa do Estado e não de continuar com uma obsessão por mais cargos e  mais atritos entre eleitores e facções políticas.

Falta maturidade política e pensar mais no que se pode fazer neste momento pelo nosso povo.    

Dilma Roussef após eleita falou pela primeira vez na Record....porque ?

Bem amigos, todos perceberam que a exclusividade da primeira entrevista de Dilma Rousseff um dia após ser eleita foi para a Record. O motivo para esta exclusividade foram alguns dados de assessores do Palácio do Planalto onde identificaram que o presidente Lula sumiu nos últimos meses do noticiário global e só era apresentado quando estava envolvido em polêmicas.

Sarney Filho fala para o Senado Federal totalmente vazio

É dura a vida de parlamentar.
Quinta-feira de quórum esvaziado na Câmara, e o deputado Sarney Filho (PV-MA) teve que discursar para um plenário vazio.
Não faz mal. A TV Câmara transmite em close. E os eleitores nem imaginam que ele fala para o nada.



Poder Online

Presidente do PT confirma cargos para o PTB

O presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, confirma: PTB terá, sim, cargos no governo Dilma Rousseff. Em tempo: Dutra é o encarregado por Dilma de levantar as reivindicações dos aliados
– Ainda vou conversar com os deputados e senadores do PTB. De fato, apesar do Roberto Jefferson, as bancadas petebistas no Congresso ficaram com a candidatura Dilma — explica o petista.

Lula convoca rede para pronunciamento à nação amanhã

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fará um pronunciamento amanhã, em rede nacional, para falar sobre as eleições.
O governo já está comunicando as emissoras de televisão para que reservem o horário das 20h para transmitir as palavras dele.
O discurso está sendo preparado neste momento no Palácio do Planalto.
Lula festejará o comparecimento pacífico dos eleitores às urnas e a consolidação da democracia brasileira.
O tom não será de despedida completa pois o presidente pretende falar outras vezes antes de se despedir do cargo.

Folha

PDT quer dois ministérios no governo Dilma

O deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP) disse nesta quinta-feira que o partido quer o controle de duas pastas no governo Dilma, contra apenas uma (Ministério do Trabalho) reservada à legenda na gestão de Lula.
"Nós vamos brigar pelo Ministério do Trabalho e por mais um, não sei qual ainda. (...) O PMDB já tem demais. Se você fizer a conta do PMDB, eles têm 78 deputados. Significa que cada 13 deputados ganham um ministério. E eles têm 14 senadores, ou seja, dois senadores e meio têm um ministério. Nós temos 28 deputados e quatro senadores. Então temos direito a dois [ministérios]."

Vereador Jarim quer audiência pública sobre acidentes na Avenida Perimetral de Iguatu





O vereador Jarim apresentou nesta quinta-feira, 04, um requerimento pedindo a presença na Câmara Municipal de Iguatu das seguintes autoridades: o diretor do DER/Iguatu, Gentil Maia, o diretor do DETRAN/Iguatu, Clidenor Teixeira e o Secretário de Trânsito e Cidadania, Cel. Wilton Oliveira.

O motivo desta convocação é devido aos vários acidentes que acontecem na Avenida Perimetral de Iguatu, para o mesmo a situação é grave e precisa de uma solução, “ estamos observando que vários acidentes acontecem nesta avenida e algo tem que ser feito. Nos horários de pique, são ciclistas, pedestres, motoqueiros e motoristas, disputando um espaço que no final sempre acaba em acidente. E não podemos ficar parados. Por isto pedi o apoio dos meus amigos vereadores para convocar estas autoridades e debater com eles uma solução para este problema” afirmou.
O requerimento foi aprovado por unanimidade e a casa deverá marcar uma data para a audiência.   

Fonte: www.iguatu.net

Cearense vence Olimpíada Iberoamericana de Química no México

 O Brasil venceu a XV Olimpíada Iberoamericana de Química, realizado na semana passada na Cidade do México. O resultado oficial foi divulgado nesta quinta-feira (04/10). O evento contou com equipes de 13 países, cada uma formada por 4 estudantes do ensino médio. Durante 8 dias, as equipes foram avaliadas em exames teóricos e de laboratório.  O Brasil foi representado por dois estudantes paulistas - André Silva Franco e Jéssica Kazumi Okuma - o cearense Raul Bruno Machado da Silva e o brasiliense Felipe Mendes dos Santos. Os brasileiros foram escolhidos em seleção nacional organizada para Associação Brasileira de Química com apoio da Associação Brasileira da Indústria de Álcalis, Cloro e Soda (Abiclor) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). 

Por Cecília Nascimento

Virou rotina....bandidos invadem Banco do Brasil de Nova Russas

O Banco do Brasil de Nova Russas, no norte cearense, está fechado nesta quinta-feira (4). Na madrugada, bandidos quebraram a janela da agência e arrombaram o cofre com um maçarico.
Segundo a Polícia, eles levaram todo o dinheiro que seria destinado ao pagamento de aposentados e pensionistas.
O crime só foi percebido no início da manhã, quando o gerente iria abrir a agência. O caso está sendo investigado pela delegacia do município.

Verdes Mares

Censo 2010: Iguatu não alcança a marca de 100 mil habitantes



O Censo contabilizou até 31 de outubro desta ano 95.011 pessoas residentes em Iguatu. Em 2000 a população iguatuense era de 85.615 pessoas.  A informação foi publicada nesta quinta-feira, 4, no Diário Oficial da União. A capital Fortaleza é o município mais populoso, com 3.231.116 habitantes. A Terra da Telha é a oitava maior cidade em população do Ceará.  Ficando atrás de Caucaia,286.446; Juazeiro do Norte , 244.701;Maracanaú,200.797; Sobral, 181.010; Crato,119.949 e Itapipoca, 114.693. O  Ceará possui 8.180.087 habitantes.

Cid Gomes volta a defender Aécio para presidência do Senado

O governador reeleito do Ceará, Cid Gomes (PSB), voltou a defender nesta quinta-feira (4) o nome do tucano Aécio Neves para presidir o Senado Federal. Para ele, uma negociação neste sentido favoreceria a governabilidade do País.
"Discutir um nome do PSDB para presidir o Senado seria um gesto do governo que daria margem para mostrar abertura. Acho isso razoável", disse a jornalistas, em Brasília, onde integrantes do partido estão reunidos para avaliar o resultado das eleições.
Segundo o governador, o grande gesto já feito pela presidente eleita Dilma Rousseff (PT) foi mostrar disposição para dialogar. Cid Gomes disse que não defende que a oposição seja cooptada. "Nunca falei em chamar PSDB ou DEM para participar do governo. Estou falando de diálogo, de governabilidade, do futuro do País."
Aécio Neves foi eleito senador por Minas Gerais depois de uma disputa interna no PSDB pela indicação do partido ao cargo de presidente da República. Ex-governador de Minas, Aécio desistiu de concorrer e partiu para uma campanha ao Senado.
Atualmente, a presidência do Senado está nas mãos do PMDB, com José Sarney (AP). O partido aliado do PT e que lançou Michel Temer (SP), presidente da Câmara dos Deputados, vice de Dilma Rousseff, deverá seguir na disputa pelo comando das Casas que compõem o Poder Legislativo.

Terra

Walter

Eunício Oliveira perto de assumir o comando nacional do PMDB

Michel Temer (PMDB-SP), vice-presidente eleito, renunciará à presidência do PMDB dias antes de assumir o novo cargo. O deputado federal cearense Eunício Oliveira (PMDB), eleito senador, é o nome mais forte para sucedê-lo no comando do partido.

Parlamentares peemedebistas afirmam que o senador eleito tem o apoio de Temer para sucedê-lo, além do voto da maioria dos colegas. Eunício afirma que seu nome “está à disposição”. “Está indo bem essa conversa, tenho de ter a humildade de dizer que não recusaremos um cargo como esse”.

Três vezes deputado federal, duas vezes líder do partido, ex-ministro das Comunicações, o deputado tem ainda a seu favor os 34 anos de filiação exclusiva ao partido. “Somos uma família de peemedebista”, afirma, referindo-se à ligação de seus pais e do sogro, o ex-deputado Paes de Andrade, com o partido.

Sua escolha para o lugar de Temer é tida como certa na Câmara. “Ele já vinha trabalhando para ocupar o cargo”, afirma o deputado Leonardo Quintão (PMDB-MG). Para o senador Gilvam Borges (PMDB-AP), sua eleição está assegurada. “Vai ser ele mesmo, não surgiu nenhum outro nome que se predisponha à disputa”.
 
(da Agência Estado)

Presidente do Inep dá dicas sobre o Enem no próximo fim de semana

No próximo fim de semana, 46 milhões de estudantes devem participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A logística para realização da prova – desde a elaboração dos itens até a aplicação dos testes – é quase uma operação de guerra. São 330 mil pessoas envolvidas nos 16 mil locais de prova em 1,8 mil municípios.
O homem por trás da edição de 2010 é Joaquim Soares Neto, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). Ele assumiu o órgão em janeiro após a demissão do ex-presidente Reynaldo Fernandes. Seu principal desafio é garantir que essa edição do Enem transcorra com tranquilidade depois dos problemas do ano passado, quando um caderno de provas foi roubado de dentro da gráfica e o exame teve que ser adiado às vésperas de sua aplicação.
Em entrevista à Agência Brasil, Neto responde às principais dúvidas dos estudantes, recomenda que cheguem cedo aos locais de prova e garante que há “uma estrutura sólida de segurança” para que o problema de 2009 não se repita.

Agência Brasil: Qual é a principal mudança do Enem neste ano?
Joaquim Soares Neto: A mudança principal é que incluímos a prova de língua estrangeira. O estudante fez a opção [durante a inscrição] pelo inglês ou o espanhol e tem que tomar bastante cuidado na hora da prova. Isso porque o caderno vai trazer questões de inglês e espanhol, mas a folha de resposta vem com a língua estrangeira que ele escolheu. Portanto, ele tem que responder a prova referente à língua escolhida, não pode trocar na hora.

Agência Brasil: No ano passado, houve reclamações dos candidatos sobre o tamanho dos enunciados das questões, que eram muito longos e cansativos. Houve alguma mudança nesse aspecto?
Neto: A orientação foi para que os enunciados fossem compatíveis com o tempo da prova, mas sem perder uma característica do Enem que é a de medir competências. Portanto, a prova deve ser balanceada, os textos não devem ser longos demais, mas é importante que o exame consiga medir a compreensão do aluno.

ABr: O edital desta edição proíbe o candidato de usar relógio na hora da prova, o que causou reclamações. Como o estudante vai controlar o tempo?
Neto: Ele vai ser avisado pelo aplicador quando faltarem 30 minutos para o fim da prova. E o aplicador é orientado a portar relógio, então se o candidato se sentir desorientado em relação ao tempo pode perguntar ao aplicador. O importante é garantir a segurança e o sigilo da prova. Hoje há equipamentos sofisticados [de transmissão de dados] que podem ser colocados em relógios, e nós precisamos garantir que a prova seja segura. As medidas restritivas são muito importantes para que você garanta a segurança.

ABr: A segurança é uma das preocupações dos alunos, já que no passado houve o problema do roubo da prova. Que medidas foram tomadas para garantir a tranquilidade do processo em 2010?
Neto: Nós trabalhamos muito e em toda a estrutura do exame. Todas as secretarias de Segurança Pública dos estados estão envolvidas, além das três Forças Armadas e da Polícia Federal, que participou de forma consistente e planejada. Toda a impressão foi feita em uma gráfica de segurança máxima, com todos os cuidados necessários. E o processo de distribuição pelos Correios terá batedores acompanhando as provas quando elas forem transportadas por via terrestre. Também reforçamos a segurança da aplicação com mais fiscais nos locais de prova. Vejo tudo isso como uma estrutura bastante sólida para garantir o sigilo e a segurança do Enem. Fizemos tudo que estava ao nosso alcance.

ABr: A cada ano cresce o número de instituições que utilizam a nota do Enem em seus processos seletivos, e a prova ganha novas funções. O trabalho de organização do exame também fica mais complexo?
Neto: O exame passou a ter um papel muito importante para o ensino médio e também para o ensino superior, então a logística tem que evoluir. Cada vez mais, trazemos método e tecnologia ao processo. O Inep está investindo intensamente em tecnologia de provas para atender a essa demanda e à expectativa da sociedade. O Enem passou a ter uma importância fundamental para a sociedade. Os estudantes que moram em regiões mais distantes não tinham acesso aos vestibulares por vários motivos – entre elas a distância ou questões econômicas. E agora a prova chega para todos. Isso traz uma discussão fundamental para o futuro do país, porque você está democratizando o acesso às vagas das universidades públicas.

ABr: O modelo de prova do Enem é diferente da maioria dos vestibulares. Que perfil de estudante o Enem busca selecionar?
Neto: Na sua proposta inicial, o Enem foca as competências e habilidades dos alunos. Hoje, o que a sociedade precisa é de pessoas com capacidade de desenvolver análises para que possam, dentro das condições dadas, tomar as decisões necessárias, se colocar perante um problema e resolvê-lo. É esse o tipo de cidadão que o país precisa e é essa pessoa que o Enem busca selecionar para as universidades.

Agência Brasil

Após ser eleita, Dilma volta a se irritar com jornalistas

Em sua primeira entrevista coletiva após a eleição, Dilma Rousseff mostrou irritação com perguntas de jornalistas, pontuou frases de forma dura, encerrou temas bruscamente e chamou repórteres de "minha querida" em um tom mais incisivo.
Ao lado de Lula, nos 30 minutos em que ele foi o entrevistado, Dilma distribuiu sorrisos e interrompeu o presidente de forma delicada.
Em seu momento de falar, que também durou 30 minutos, a petista mudou de humor gradualmente. Começou a coletiva agradecendo aos jornalistas que acompanharam a sua campanha, mas se irritou com a insistência de um repórter para saber a posição dela sobre a CPMF.
A primeira resposta não foi clara e ela não havia se mostrada contrária à volta do imposto. Depois de aceitar retomar ao tema, Dilma encerrou com "considero que essa pergunta já está respondida".
Quando ministra, Dilma tinha o hábito de chamar as repórteres de "minha filha". No início do ano, foi aconselhada a trocar o termo por "minha querida", mas até deixar o governo ainda escorregava em momentos de irritação e voltava a usar a expressão.

Folha

Colunista do Jornal O Globo prevê briga entre Dilma e Lula em dois anos

O colunista do Jornal O Globo, João Ubaldo Ribeiro destaca que em dois anos o casal petista, Lula e Dilma, estarão brigados. E diz mais, " quem viver, verá. "

Dilma Rousseff de férias na Bahia

Após a coletiva desta quarta-feira a presidente eleita, Dilma Roussef, saiu em viagem para o Nordeste sem dizer qual seria o seu destino. Mas indormações chegam para o Blog confirmando que a nova chefe do executivo brasileiro está em Ilhéus, Bahia.

Senadores eleitos gastaram em média R$ 2,15 por voto

Os senadores eleitos gastaram em média R$ 4,3 milhões na campanha deste ano, a um custo médio de R$ 2,15 por voto conquistado.
Segundo a prestação de contas divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral, foram ao todo R$ 223 milhões divididos desigualmente entre 52 candidatos (os dados de dois senadores ainda não foram computados pelo TSE).
O senador eleito que mais gastou foi Lindberg Farias (PT-RJ), ex-prefeito de Nova Iguaçu: sua campanha consumiu R$ 14,6 milhões.
No extremo oposto está Marinor Brito (PSOL-PA), eleita em razão dos candidatos Paulo Rocha (PT) e Jader Barbalho (PMDB) terem pendências com a Lei da Ficha Limpa. Ela gastou R$ 52,9 mil, ou R$ 0,07 por voto.
Ivo Cassol (PP), ex-governador de Rondônia, foi eleito senador por seu Estado gastando o maior valor por voto: R$ 17,45, para um total de R$ 7,9 milhões. A região Norte concentra 6 dos 10 votos mais caros do país.

Folha

Deputados Federais gastaram em média R$ 9,7 por voto


Os 513 deputados federais eleitos gastaram uma média de R$ 9,72 por voto para se eleger. No total, os parlamentares desembolsaram R$ 567 milhões na campanha. O custo do voto na Câmara foi três vezes e meia o valor do voto para o Senado (R$ 2,15).

A campeã em gastos foi a deputada eleita Teresa Jucá (PMDB-RR), ex-mulher do senador Romero Jucá (PMDB-RR): foram R$ 7,2 milhões. O montante representa uma vez e meia o valor gasto pelo segundo colocado, Sandro Mabel (PR-GO), que desembolsou R$ 4,8 milhões.
Cada voto conferido à deputada custou, em média, R$ 248,83. É o maior valor registrado no país. No total, Teresa gastou nove vezes mais que o valor que ganhará como deputada pelos quatro anos de mandato (cerca de R$ 792 mil, sem contar verbas indenizatórias e benefícios).
O gasto de seus futuros colegas custou, em média, R$ 1,1 milhão.
Os 88 deputados petistas foram os que mais gastaram, em números absolutos, entre os partidos. Foram R$ 103 milhões. A bancada mais cara, porém, é a do PMN. Os quatro deputados eleitos gastaram, em média, R$ 1,59 milhão. 


Noblat

Jogador de futebol detido com pistola das Forças Armadas

Um jogador de futebol foi detido, nesta quarta-feira (03) à noite, em Fortaleza, com arma de uso restrito das Forças Armadas.
A pistola 9 milímetros com munição foi encontrada com Igor Ribeiro de Jesus, de 21 anos, durante ronda da Força Tática de Apoio, no bairro Curió. A polícia suspeitou do veículo Gol preto, fez a busca e descobriu a arma embaixo do banco.
O jogador de futebol não possui antecedentes e vai responder por porte ilegal de arma.

Verdes Mares

Ceará empata com o Flamengo no Castelão


Diante de um Castelão lotado e uma festa muito bonita, Ceará e Flamengo se enfrentaram na noite desta quarta-feira, pela 33ª rodada da Série A. As equipes fizeram uma partida recheada de emoções, que terminou no empate em 2 a 2.
O resultado mantém a invencibilidade dos times, que não sofrem uma derrota há 8 jogos. Ambos ficaram estacionados na tabela de classificação. O Vovô, com 44 pontos, na 11ª posição, e o rubro-negro com 40, na 13ª.
O próximo desafio do Alvinegro na competição será  fora de casa, no sábado (6), contra o Grêmio, às 18h30 (horário local). Um dia depois, o clube carioca recebe o Atlético/PR, no Maracanã.

O Povo

Tasso Jereissati no comando nacional do PMDB ?

Acontecerá uma reunião nesta quinta-feira, 4, em Brasília com toda cúpula do PSDB e no momento o Deputado Raimundo Gomes de Matos irá indicar o nome de Tasso Jereissati para comandar a sigla em todo o país.
Lembrando que um nordestino já comanda o PSDB , Deputado Sergio Guerra (PE). Mas na prática o comando do universo tucano está nas mãos dos paulistas. E o Tasso Jereissati seria um nome para tentar modificar esta situação. 

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails