quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Senadores eleitos gastaram em média R$ 2,15 por voto

Os senadores eleitos gastaram em média R$ 4,3 milhões na campanha deste ano, a um custo médio de R$ 2,15 por voto conquistado.
Segundo a prestação de contas divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral, foram ao todo R$ 223 milhões divididos desigualmente entre 52 candidatos (os dados de dois senadores ainda não foram computados pelo TSE).
O senador eleito que mais gastou foi Lindberg Farias (PT-RJ), ex-prefeito de Nova Iguaçu: sua campanha consumiu R$ 14,6 milhões.
No extremo oposto está Marinor Brito (PSOL-PA), eleita em razão dos candidatos Paulo Rocha (PT) e Jader Barbalho (PMDB) terem pendências com a Lei da Ficha Limpa. Ela gastou R$ 52,9 mil, ou R$ 0,07 por voto.
Ivo Cassol (PP), ex-governador de Rondônia, foi eleito senador por seu Estado gastando o maior valor por voto: R$ 17,45, para um total de R$ 7,9 milhões. A região Norte concentra 6 dos 10 votos mais caros do país.

Folha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails