terça-feira, 28 de setembro de 2010

Outro jingle que está entre os piores do Brasil...este é TRISTOLATION

Se a intenção é virar hit, que seja fazendo versão de uma das músicas mais grudentas do Brasil este ano. Para ser lembrado pelos eleitores, Edivaldo Gomes, que disputa o cargo de deputado estadual em Rondônia, apostou em um jingle que repete o seu número, o “44044″, na batida de “O rebolation-tion-tion”.

Suspensa sessão que decidiria impeachment do prefeito de Juazeiro do Norte

A sessão que deveria votar o impeachment do prefeito de Juazeiro do Norte, Manoel Santana foi suspensa por força de liminar. A reunião chegou a começar mas às 15h20, mas teve que ser interrompida por causa da decisão da Justiça. Como a votação já tinha começado, as urnas que continham votos foram lacradas.
Entenda o caso
Uma comissão especial processante apurou que Manoel Santana cometeu irregularidades em licitações de obras em 18 escolas do município.
O prefeito de Juazeiro do Norte vem enfrentando crises na gestão desde o início.
  • greves de servidores
  • saída de secretários
  • especulação sobre agressão a um jornalista
  • oposição na câmara de vereadores

Cid Gomes apresenta plano de governo em seu site

O governador Cid Gomes (PSB), que postula reeleição, acaba de disponibilizar o seu plano de governo para uma nova gestão. Para o eleitor intessado em conhecer as propostas, a assessoria de campanha informa que está disponível no site do postulante.
O plano foi resultado, segundo assessores, de dois meses de trabalho e de coleta de sugestões com vários segmentos da sociedade civil.

O beabá eleitoral de Tiririca

Ex-vereador registra em cartório venda do mandato

Um ex-vereador de Prata, a 312 km de João Pessoa (PB), é acusado de ter vendido o seu mandato ao primeiro suplente por R$ 35 mil e um cargo na prefeitura do município. José Erinaldo de Sousa (PRP), conhecido como "Bobô", registrou a transação no Cartório Notarial e Registral de Prata. No documento, que identifica o comprador como seu primeiro suplente, Israel Simões de Araújo (DEM), o ex-vereador declara "o recebimento da importância de R$ 35 mil, referente ao pagamento da venda" de seu mandato de vereador conquistado nas eleições de 2008. O segundo suplente, Ginaldo Batista (PRP), entrou com um mandado de segurança na Justiça comum, pedindo a cassação de Israel. As informações são da rádio CBN.
Bobô renunciou ao cargo em junho deste ano, mas o caso foi descoberto apenas nesta semana. O ex-vereador afirma que foi orientado a apresentar um requerimento informando a sua renúncia, para não caracterizar nenhum tipo de crime. "Na verdade não houve renúncia. Foi a venda do mandato pelo preço citado", diz Bobô. Os nomes de outros dois vereadores constam na declaração: José Josafá Claudino, presidente da Câmara Municipal, e Felizardo Moura Nunes. Ambos, segundo Bobô, participaram da negociação. O ex-vereador, que não sabe ler, afirma que foi enganado por Israel e Ginaldo. Segundo ele, o acordo com Israel previa o pagamento de R$ 35 mil para que ele apenas se afastasse provisoriamente das funções, e não renunciasse. Ginaldo, por sua vez, teria ludibriado Bobô a assinar o documento no cartório atestando a venda do mandato, para assumir o cargo no lugar de Israel. O ex-vereador disse ter assinado o documento sem conhecer o seu conteúdo.

Terra

A uma semana da votação, 79% não sabem número dos candidatos ao Senado no Ceará

Nas eleições para senador, parece que o cearense fará jus à fama de deixar tudo para última hora. Faltando menos de uma semana para a votação, pesquisa O POVO/Datafolha mostra que 79% dos eleitores ainda não sabem o número de seus candidatos ao cargo.

A maior parte dos “desavisados” – 72% – admitiu desconhecer os algarismos para votar em seu candidato. Outros 7% até disseram estar informados, mas erraram ao mencionar a numeração. A sondagem foi feita nos dias 23 e 24 de setembro, com 985 eleitores, em 44 municípios. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

O desconhecimento ainda é grande, mas já foi maior há cerca de duas semanas. Sondagem do Datafolha feita nos dias 9 e 10 de setembro mostrou que, naquele período, o percentual de cearenses que não sabiam o número de seus escolhidos para o Senado chegava a 87%. De lá para cá, porém, as campanhas conseguiram reduzir os prejuízos: aumentou de 11% para 18% a quantidade de eleitores que garantiram saber a sequência e, de fato, acertaram.

Atingidos
O Datafolha aponta que o concorrente potencialmente mais atingido, até agora, pelo desconhecimento dos eleitores é José Pimentel (PT) – que, no último mês, até tem se esforçado para aumentar a identificação de sua candidatura com a imagem e o número do partido, por meio do movimento “setembro vermelho”.

De acordo com o instituto, 90% dos que dizem votar em Pimentel ainda não sabem que número terão de digitar na urna para ajudá-lo na disputa. A evolução do petista, em relação à pesquisa anterior, foi de apenas um ponto percentual. No início do mês, eram 91% os que diziam preferi-lo, mas que não sabiam sua numeração.

Quem mais conseguiu reverter o desconhecimento foi Tasso Jereissati (PSDB), que diminuiu em sete pontos percentuais o total de eleitores que admitem não saber seu número.

Nesta pesquisa, 79% dos eleitores do tucano dizem não conhecer a sequência de algarismos necessária para votar nele. Há duas semanas, o grupo correspondia a 86%.

Já entre os eleitores de Eunício Oliveira (PMDB), segundo a pesquisa O POVO/Datafolha, 83% não se recordam do número que precisam digitar na urna eletrônica para votar nele.

Conforme O POVO publicou na edição do último dia 19, é nesta reta final da disputa que as campanhas deverão reforçar o marketing em torno dos números, com direito a vinhetas específicas para o assunto.

Publicitários ouvidos pelo O POVO garantiram que somente às vésperas do dia da votação é que o eleitor se preocupa em procurar a numeração
de seus favoritos.

Hébely Rebouças
hebely@opovo.com.br

TV Verdes Mares realiza debate hoje à noite com 5 candidatos ao Governo

A TV Verdes Mares promove nesta terça (28) à noite, logo após a novela Passione, o debate entre 5 candidatos ao Governo do Estado. A mediadora será a jornalista Cláudia Bomtempo, da TV Globo Brasília.

Estarão logo mais na TV os candidatos Cid Gomes (PSB), Lúcio Alcântara (PR), Marcelo Silva (PV), Marcos Cals (PSDB) e Soraya Tupinambá (PSOL) com representação partidária na Câmara dos Deputados.

Como será o debate da TV Verdes Mares

O debate será composto de cinco blocos, sendo que em dois deles os candidatos estarão limitados aos temas definidos nas normas do encontro.

Dois outros blocos serão de temas livres e o último é para que os participantes façam suas considerações finais.

Para quem curte vejam quem são os novos participantes da A Fazenda que começa hoje na Record

Enquanto a Record tenta criar mistério sobre os 15 participantes da terceira edição de "A Fazenda", apresentamos aqui cada um para você. Basta clicar aqui

UFC oferta 2.300 vagas em cursos de graduação semipresencial

A Universidade Federal do Ceará (UFC) inscreve, até o dia 3 de outubro, para o processo seletivo dos cursos de graduação semipresencial. Para concorrer a uma das 2.300 vagas, os interessados podem efetuar inscrição através do endereço eletrônico da Coordenadoria de Concursos da UFC www.ccv.ufc.br. A novidade é a oferta do curso de Pedagogia nos polos de Aracoiaba, Caucaia, Juazeiro do Norte, Meruoca, Russas e Ubajara.

A Unidade Acadêmica responsável pelo gerenciamento dos cursos é o Instituto UFC Virtual, através de parceria com o programa Universidade Aberta do Brasil. Atualmente, cerca de 4.700 estudantes cearenses estão matriculados em cursos superiores semipresenciais da UFC. Serão ofertados cursos de Licenciatura em Física, Química, Matemática, Pedagogia, Letras-Português, Letras-Inglês, Letras-Espanhol e os bacharelados em Administração e Administração em Gestão Pública.

Todos têm início previsto para o primeiro semestre de 2011. As vagas disponíveis serão distribuídas entre 24 polos, localizados nos municípios de Aracati, Aracoiaba, Barbalha, Beberibe, Brejo Santo, Camocim, Campos Sales, Caucaia, Fortaleza, Itapipoca, Jaguaribe, Juazeiro do Norte, Maranguape, Meruoca, Missão Velha, Orós, Piquet Carneiro, Quiterianópolis, Quixadá, Quixeramobim, Russas, São Gonçalo do Amarante, Sobral e Ubajara.

Rede pública

Parte das vagas será destinada a profissionais de educação da rede pública cadastrados na Plataforma Paulo Freire e validados pelo fórum estadual (Parfor). Os cursos de Administração e de Administração em Gestão Pública serão destinados ao grande público. Em todos os polos, os demais cursos (exceto Pedagogia) disponibilizarão 50% das vagas para professores cadastrados na Plataforma Paulo Freire e 50% para o público em geral.A condição de participação deve ser indicada, no ato da inscrição, pelo candidato.

Os candidatos que concorrerão às vagas ofertadas pela Plataforma Paulo Freire precisam comprovar vínculo com a rede pública de ensino (estadual e/ou municipal) durante a inscrição. Também é preciso estar em exercício, mediante entrega dos seguintes documentos: fotocópia do contracheque do mês de agosto de 2010 e declaração da Secretaria de Educação comprovando o efetivo exercício do magistério.

É possível solicitar isenção do pagamento da taxa de inscrição através do site da Coordenadoria de Concursos, mediante o preenchimento de formulário eletrônico. O edital do processo seletivo para os cursos semipresenciais está disponível no endereço www.ccv.ufc.br.

Adiada validação das inscrições dos candidatos de Juazeiro do Norte e Iguatu ao programa carteira de Motorista Popular »

Foi adiada, com data ainda a ser marcada, a validação, em Juazeiro do Norte e Iguatu, das inscrições dos candidatos ao programa Carteira de Motorista Popular. O adiamento se deve ao prazo para recredenciamento de beneficiários do Bolsa Família e ao recebimento da declaração dos que recebem o benefício mensal. Posteriormente, o Detran anunciará a nova data e os locais onde as equipes do órgão receberão os documentos para validar ocadastro preenchido pela Internet. Nessas duas cidades são quase 10 mil inscritos.


Os documentos são os seguintes: original e cópia da Carteira de Identidade, CPF e comprovante de residência. O programa foi aprovado pela Assembléia Legislativa, com base em projeto de lei encaminhado pelo Poder Executivo Estadual.


Além desses documentos, cada candidato tem de comprovar a sua condição que informou na hora de preencher o formulário eletrônico: ou de beneficiário do Bolsa Família, ou de ter sido estudante há 12 meses ou estar estudando há 6 meses na escola pública (ensino fundamental, médio ou profissionalizante), ou de egresso do sistema penitenciário ou de portador de necessidade especial, em condições de pilotar uma motocicleta.

Após queda nas pesquisas, Dilma pede para militância não "desistir"

Depois de uma queda de 3% nas intenções de voto apontada pela pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada nesta terça-feira (28), a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, pediu apoio para sua militância em um ato na rodoviária do centro de Brasília.
“O que eu queria fazer nesse momento é um apelo para minha militância para não esmorecer, ir para as ruas e disputar voto a voto’”, disse a petista, que classificou como “normal” as oscilações. “Estamos em um momento da eleição em que é normal que se tenham subidas e descidas. Temos que aguardar daqui para frente”.
Os números mostram a candidata com 46% das intenções de voto, à frente de José Serra (PSDB), com 28%, e Marina Silva (PV), com 14%.
Questionada se acredita que seus aliados tenham se precipitado ao dizer que as eleições se resolveriam no primeiro turno, com a vitória da candidata, a presidenciável negou e disse que “ninguém tem como antecipar nada. Não existe isso”.
Faltando quatro dias para o pleito, que acontece no próximo domingo (3), a presidenciável disse que irá manter “serenidade” e que “não vai deixar, de jeito nenhum, que se tenham agressões” até o final da campanha.
Ao ser perguntada se preferiria partir para um segundo turno concorrendo com Serra ou Marina, Dilma não quis comentar. “Só se eu fosse completamente louca responderia uma pergunta dessa”.

UOL

Claro é condenada a pagar R$ 10 mil de indenização à consumidora que teve nome incluído no SPC

A empresa de telefonia móvel Claro deverá pagar indenização no valor de R$ 10 mil pelos danos morais causados à cliente E.C.V.B.. A determinação, publicada no Diário da Justiça Eletrônico da última quarta-feira (22/09), é da juíza Maria de Fátima Pereira Jayne, titular da 20ª Vara Cível do Fórum Clóvis Beviláqua.

Consta no processo (nº 49415-97.2006.8.06.001/0) que E.C.V.B. mantinha contrato com a Claro referente a uma linha de celular pós-pago. No dia 22 de agosto de 2005, ela solicitou o cancelamento da linha e também o parcelamento do débito existente. O valor foi dividido em seis parcelas de R$ 29,78. Ficou acordado, ainda, que o valor referente às ligações feitas em agosto, até o dia do cancelamento, seria pago no mês seguinte, o que foi cumprido.

A consumidora alegou que, mesmo após o acordo, começou a receber ligações de cobrança da Claro, até mesmo em seu trabalho. Afirmou que procurou, por diversas vezes, resolver o problema, ligando para a central de atendimento da operadora, “mas não obteve êxito nas reclamações, pois a empresa continuou as cobranças com ameaças verbais de inclusão do seu nome em órgãos de proteção ao crédito”.

Em 29 de março de 2006, de acordo com os autos, E.C.V.B. não conseguiu fazer compras em um supermercado porque seu nome estava inscrito no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). Por esse motivo, a cliente recorreu à Justiça requerendo indenização, alegando ter “passado por vexame e constrangimento em público”.

A Claro contestou que “não cometeu nenhum ato ilícito”, pois o nome de E.C.V.B. só foi inscrito no SPC porque ela não havia pago o valor das ligações que foram efetuadas ainda em agosto, antes da solicitação de cancelamento da linha.

Na sentença, a juíza considerou que, de acordo com as provas documentais, a cliente efetuou o pagamento das seis parcelas, inclusive do saldo devedor, referente às ligações feitas em agosto. “Os danos morais padecidos pela autora se afiguram incontestáveis. A Claro não deveria ter inscrito o nome da autora por débito devidamente quitado”, afirmou a magistrada.

TJCE

A partir de hoje, eleitores só podem ser presos em flagrante

A partir desta terça-feira (28) até 48 horas depois do encerramento da eleição (3 de outubro), nenhum eleitor poderá ser preso ou detido, a não ser em caso de flagrante, em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou, ainda, por desrespeito a salvo-conduto, quando alguém tenta impedir um eleitor de exercer seu direito de voto.
Já a proibição de prisão de candidatos, fiscal de partido e membros de mesa está em vigor desde o último dia 18. Essas pessoas podem ser detidas ou presas apenas em caso de flagrante delito.
Outra data importante para os eleitores é o prazo final para solicitar a segunda via do título de eleitor, em qualquer cartório eleitoral, que acaba na quinta-feira (30). Para tirar a segunda via ou para a reimpressão do título é preciso apresentar um documento oficial com foto, assim como no dia da eleição.
São considerados documentos oficiais: carteira de identidade ou identidades funcionais, certificados de reservista, carteiras de trabalho, carteiras nacionais de habilitação com foto e passaporte. Certidões de nascimento ou casamento não serão aceitas.

Correios iniciam semana de paralisação no Ceará

A partir desta terça-feira (28), os Correios do Ceará iniciam uma semana de paralisações temporárias. A primeira unidade a parar por uma hora será o Centro de Triagem da Cidade dos Funcionários, onde haverá manifestação dos funcionários da empresa.

A intenção do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios e Telégrafos e Similares do Estado do Ceará (Sintectce) é denunciar as condições de trabalho. De acordo com a diretoria do sindicato, os carteiros estão sobrecarregados e, por isso, não podem ser considerados os responsáveis pelos atrasos nas correspondências.

"Dia 15, nós tivemos uma assembleia que deliberou por paralisações locais e com trégua de 30 dias. Caso não fossem resolvidos esses problemas, nós pararíamos em nível nacional", explica o diretor de finanças do Sintectce, Veridiano Matos

Ele completa, "a carga atual triplicou em determinados setores e em outros quadriplicou. Então, os carteiros não têm mais condições físicas de trabalhar de domingo a domingo".

Verdes Mares

TRE divulga nota de esclarecimento à imprensa sobre repercussão de acusações contra Cid

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), divulgou nota à imprensa esclarecendo notícias publicadas em jornais locais em alusão ao pedido de direito de resposta do deputado federal Ciro Gomes (PSB), indeferido pelo juiz Luiz Roberto Oliveira Duarte. Com o fato, as campanhas do PSDB e PR na TV e no rádio poderão voltar a exibir o caso denunciado pela revista Veja e pelo site da Época, que denuncia um esquema de corrupção responsável pelo desvio de R$ 300 milhões das prefeituras do Estado entre 2003 e o fim do ano passado.

Confira nota na íntegra:

O juiz auxiliar do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, Luiz Roberto Oliveira Duarte, informa à imprensa e ao público em geral que não autorizou nenhuma “propaganda ofensiva à honra e à imagem de qualquer candidato” como foi divulgado hoje, 27.09.2010, em dois jornais de Fortaleza.

Matérias publicadas pelo Jornal O Povo, página 2, com o título “Campanhas podem voltar a criticar Cid” e pelo Jornal O Estado com o título “Juiz libera propaganda de Cals”, distorcem o conteúdo da decisão do magistrado que informa haver julgado “apenas um caso concreto relativo à representação de direito de resposta intentado pelo Deputado Federal Ciro Gomes (PSB), cujo pedido foi indeferido por não inferir, no material constante dos autos, qualquer referência ao nome do deputado”.

O juiz Luiz Roberto Oliveira Duarte esclarece ainda que a decisão adotada “não possui efeitos gerais, não se aplicando a casos futuros”. Entende também que este esclarecimento se faz necessário para repor a verdade e evitar outras ações geradas pela utilização indevida da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão.

Vem aí mais duas pesquisas de intenção de voto no Ceará


Na última sexta-feira (24) foram registradas no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), duas pesquisas de intenção de voto  -VoxPopuli e Ibope. Ambas vão coletar a opinião do eleitorado cearense para os cargos de Presidente, Governador e Senador.

A pesquisa VoxPopuli foi realizada dos dias 24 à 26 de setembro e foi contratada pelo Internet Group do Brasil S.A. Foram entrevistadas 800 pessoas, mas o número de municípios entrevistados não foi divulgado.
Já a pesquisa Ibope teve início da coleta no dia de ontem, (27) e segue com os questionários até a próxima quinta-feira (30). A pesquisa foi contradada pela TV Verdes Mares e serão entrevistados 1610 pessoas.

Blog Eleições 2010

Nova pesquisa confirma Tasso e Eunício eleitos para o Senado

Pela primeira vez, Tasso não lidera isoladamente a disputa. Está agora tecnicamente empatado com Eunício Oliveira, que cresceu sete pontos, enquanto o tucano caiu quatro. Mas José Pimentel também se aproxima e aparece em situação de empate técnico com Eunício.
A poucos dias da definição, a disputa pelas duas vagas no Senado pelo Ceará fica cada vez mais embolada. Tasso Jereissati (PSDB) oscilou quatro pontos percentuais e agora aparece com 44% na pesquisa O POVO/Datafolha. Há duas semanas, tinha 48%. Eunício Oliveira (PMDB) cresceu sete pontos e, com 41%, está tecnicamente empatado com o tucano. É a primeira vez na qual Tasso não lidera de forma isolada, em quatro rodadas de pesquisa O POVO/Datafolha. A coisa fica ainda mais embolada porque José Pimentel (PT) subiu cinco pontos e, com 36%, está tecnicamente empatado  com Eunício.
Considerando a variação máxima da margem de erro, que é de três pontos percentuais para mais ou para menos, Tasso pode ter entre 41% e 47% das intenções de voto. Eunício pode ter entre um máximo de 44% e um mínimo de 38%. E Pimentel pode ter de 33% a 39%. Por essa razão, a situação de Eunício é de empate técnico tanto com Tasso, levando em conta a possibilidade de variação para mais da margem de erro, quanto com Pimentel, na hipótese de variação negativa.
Alexandre Pereira (PPS), que nas duas últimas pesquisas aparecia com 2%, agora chegou a 4% das intenções de voto. Com 2% estão Tarcísio Leitão, Marilene Torres (Psol) e Raquel Dias (PSTU). Benedito Oliveira (PCB), Reginaldo (PSTU) e Polô (PV) têm 1%, cada.
O percentual dos que declararam voto em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos para as duas vagas de senador é de 3%. Para uma das vagas, são 7% os que pretendem anular o voto, votar em branco ou dizem não votar em nenhum.
O índice de indefinição  ainda é significativo: 35% dos eleitores pesquisados não sabem em quem votar para uma das vagas. Para as duas vagas, são 22% de votos indefinidos. A pesquisa é a primeira realizada após o início da veiculação da propaganda na qual o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o governador Cid Gomes (PSB) aparecem ao lado de Eunício e Pimentel pedindo voto para os dois candidatos.
Votos válidos Como são dois votos para o Senado, a soma dos percentuais totaliza 200%. Nesta pesquisa, porém, pela primeira vez, o Datafolha divulgou também os percentuais de votos válidos. Este é o critério que o Tribunal Superior Eleitoral  (TSE) adota na apuração dos resultados. A base de cálculo, assim, deixa de ser o total de eleitores e passa a ser o total de votos.
Brancos, nulos e indecisos são excluídos e, nesse caso, a soma dos votos dos candidatos totaliza 100%. Nesse cálculo, não há mudança nas tendências, mas altera-se o percentual obtido pelos candidatos. Por  isso, os índices de intenções de voto são inferiores aos registrados quando se considera o total de eleitores.
Nessa forma de cálculo, Tasso tem 33% das intenções de voto. Eunício fica com 31% e Pimentel, 27%. Na hipótese de variação máxima da margem de erro, há tríplice empate técnico. Alexandre Pereira tem 3%. Os demais candidatos todos figuram com 1%, cada.

Metodologia A pesquisa foi feita entre os dias 23 e 24 de setembro e ouviu 985 eleitores de 44 municípios cearenses. A margem de erro máxima é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O número de registro no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) é 57467/2010. No Tribunal Superior Eleitoral, a pesquisa está registrada com o número 32025/2010.

O Povo

Novamente cai a vantagem de Dilma para outros candidatos

A candidata à presidência da República pelo PT, Dilma Rousseff, lidera a corrida eleitoral com 46% das intenções de voto, segundo pesquisa Datafolha divulgada nesta terça-feira (28) no jornal Folha de S. Paulo. Se comparado à pesquisa anterior, a petista oscilou três pontos percentuais para baixo, ela somava 49%. O candidato do PSDB, José Serra, manteve os 28% da preferência do eleitorado. Em terceiro lugar, vem Marina Silva (PV), que antes tinha 13% e agora aparece com 14%.
A diferença dos pontos de Dilma para a soma dos pontos dos outros candidatos cai a cada levantamento. Mesmo assim, a petista ainda seria eleita no primeiro turno.
Segundo a nova pesquisa, a soma dos outros candidatos soma 1% das intenções. Os votos brancos e nulos somam 4% e 7% dos eleitores não sabem ou não quiseram responder. Considerando somente os votos válidos, Dilma tem 51% contra 32% de seu principal adversário, Serra. Marina Silva soma 16% das intenções de votos válidos.
Num possível cenário de segundo turno entre os candidatos Dilma Rousseff e José Serra, Dilma venceria com 52% e Serra alcançaria 39% da preferência do eleitorado.
Encomendada pela Folha de S. Paulo , a pesquisa foi realizada no dia 27 de setembro, com 3180 entrevistados em todo País, e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 23 de setembro de 2010, sob o número 32913/2010.

Folha

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails