terça-feira, 9 de novembro de 2010

Temer diz que sai da Câmara antes da diplomação dos eleitos

O presidente da Câmara dos Deputados e vice-presidente da República eleito, Michel Temer (PMDB), afirmou nesta terça-feira que deve deixar seu cargo antes da diplomação dos eleitos, prevista para acontecer em 17 de dezembro, de acordo com informações da Agência Câmara. Temer explicou que se sair antes desta data, terá de ser feita uma nova eleição para se apontar um outro líder para a Casa, portanto pretende esperar.
O vice-presidente eleito afirmou que a reunião de líderes prevista para esta tarde foi adiada porque a pauta da Câmara está lotada e, por isso, não havia razão para discutir outros projetos no momento.
"A prioridade é limpar a pauta e votar também os projetos do marco legal do pré-sal", disse. Em relação ao Orçamento de 2011, Temer disse que o adiamento do recesso para aprovação no próximo ano, em janeiro, pode ser uma possibilidade, mas acredita que as contas sejam aprovadas ainda neste ano. 

Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails