terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Cid vai consultar o PSB e petistas sobre a Presidência da Assembléia »

Governador disse que a conversa prioritária será com as bancadas do seu partido e do PT na Assembleia Legislativa


Depois de ouvir alguns deputados estaduais em seu gabinete na semana passada, como noticiou o Diário do Nordeste na edição de sábado, o governador Cid Gomes (PSB) declarou, durante entrevista, ontem, que vai começar, esta semana, a conversar com os parlamentares do PT e do PSB, legenda que ele preside, para tratarem sobre a composição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, que será eleita em 1° de fevereiro.

“Agora, quando chegar especificamente o PT e PSB esse tema (Mesa Diretora) passará a ser o tema principal porque deverá sair dos quadros desse bloco o presidente e as demais posições: vice-presidência e primeira secretaria da Assembleia Legislativa”, admitiu Cid.

Durante coletiva após a posse do novo presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Manoel Veras, Cid disse que o tema principal das conversas que vem tendo com os demais deputados, por enquanto, não são os cargos da Mesa Diretora da Assembleia.

Preferência

Sobre a disputa entre José Albuquerque (PSB) e Welington Landim (PSB) pela presidência, Cid Gomes afirmou que não iria manifestar sua “preferência” por um dos dois parlamentares que, segundo ele, são seus “amigos”. No entanto, o governador avisou que um deles terá que recuar, pois Cid quer uma negociação consensual acerca do tema. “Só tem um lugar de presidente e um dos dois vai ter que ceder”.
O governador também anunciou que vai convocar, hoje ou amanhã, a Assembleia para a realização de sessão extraordinária com o intuito de apreciar mensagens sobre reformulação da estrutura do Executivo, com a criação de secretarias, e emendas à Constituição do Estado.

Convocando em um dia os deputados, a Assembleia se reúne no dia seguinte para dar início ao processo de tramitação. Entre as mensagens está a criação da Secretaria da Pesca, da Secretaria Especial da Copa, da Corregedoria da Polícia Militar e a coordenação de apoio a dependentes químicos.


Reunião
Durante a entrevista, o chefe do Executivo declarou que vai realizar uma reunião com os prefeitos da região dos Inhamuns, dos sertões Central, de Crateús e Canindé e de Jaguaribe para discutirem qual município vai sediar o hospital que ele prometeu criar no interior. Cid diz que espera uma decisão consensual e avisa que terá “papel de magistrado” no encontro.

Sobre a insatisfação do PMDB acerca das nomeações do Governo Dilma, Cid disse que “mais importante que ter um ministro” é dar continuidade a obras como a Transnordestina e a transposição do Rio São Francisco. “Essa coisa de cargo, muitas vezes, é só um exercício de vaidade”, avaliou.


Fonte: DN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails